N.º de substâncias de elevada preocupação incluídas na lista de substâncias candidatas a autorização

PT
Chart: 
Fonte: 
ECHA, abril 2019

As substâncias identificadas como substâncias que suscitam elevada preocupação são incluídas na lista de substâncias candidatas a autorização. A inclusão de substâncias nesta lista iniciou-se em 2008, abrangendo, até abril de 2019, 197 substâncias. O ano de 2012 foi o que registou maior número de inclusões – 67 substâncias. Em 2016, apenas foi incluída uma substância na lista candidata, tendo este valor vindo a aumentar ligeiramente em 2017 e 2018, tendo em 2018 sido acrescentadas 7 substâncias à lista.

A lista de substâncias sujeitas a autorização inclui, à data de abril de 2018, um total de 43 entradas (algumas constituem grupos de substâncias). A última alteração a esta lista ocorreu em junho de 2017 com a inclusão de 12 entradas.

Em fevereiro de 2019, a lista de substâncias/grupo de substâncias sujeitas a restrição continha um total de 69 entradas, tendo sido eliminadas até à data 5 entradas. Durante 2018 foram incluídas 3 novas entradas e alteradas 2 das entradas já existentes.

 

N.º de produtos químicos exportados e importados de e para Portugal no âmbito da Convenção de Roterdão (Regulamento PIC), por ano

Ano 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018
N.º Produtos Químicos Exportados 0 0 1 1 4 3 0 4 5 8 6
N.º Países de Destino 0 0 4 2 14 2 0 10 10 10 10
N.º Produtos Químicos Importados 1 1 2 3 4 4 5 4 5 2 1
N.º Empresas Portuguesas Importadoras 1 1 2 2 2 1 2 2 1 1 1

Fonte: APA, abril 2019

Relativamente às exportações de Portugal, verifica-se que o número de produtos químicos exportados, abrangidos pelo Regulamento PIC, apresentou um crescimento moderado até 2012, tendo decrescido desde então, sendo que, em 2014, não foi exportado qualquer produto químico. Os valores voltaram a crescer em 2015, 2016 e 2017. Em 2018 observou-se uma redução de 8 para 6 produtos químicos exportados.

O número de produtos químicos importados aumentou até 2014, mantendo-se estável em 2015 e 2016. Em 2017 observou-se uma redução destes valores, passando de 5 produtos químicos importados em 2016 para apenas 2. Em 2018 o voltou-se a verificar uma redução de produtos químicos importados, passando para apenas 1.

 

 

Ordem de aparecimento: 
5
Indicator: 
Substâncias e produtos químicos
Notes: 

p - Dados provisórios